Razão poética

Eu busco
além de versos mal traduzidos
uma inatingível tradução
mas, a palavra, pedestre da linha
pára, pensa e se arrepende:
“-Eu não pertenço a quem me compreende!”

palavra_nd43

Anúncios

Uma opinião sobre “Razão poética”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s